Loading…

Home

NOTÍCIAS

Festival Política 2022

O Festival Política está a chegar ao Centro de Juventude de Braga e já podes adquirir os teus bilhetes.

Três dias repletos de filmes, debates, performances, espetáculos e conversas dedicados à desinformação enquanto ameaça à democracia, fator de polarização, discriminação e marginalização de grupos populacionais, e elemento que mina a confiança dos cidadãos nos meios de comunicação social e no jornalismo. Todas as atividades são de acesso gratuito e acessíveis (legendagem em português de todos os filmes e tradução para língua gestual portuguesa).


Adquire já os teus bilhetes:


Festival Política: Blossom/Florescer

5 de maio - 18h30
Festival Política: Quo Vadis, Aida

5 de maio - 21h30

Festival Política: Sessão Corpos Políticos 1

6 de maio – 19h00

Festival Política: 100-Certezas

6 de maio – 21h30
Festival Política: Sessão Corpos Políticos 2

6 de maio - 23h00
Festival Política: A nossa bandeira jamais será vermelha

7 de maio - 15h00
Festival Política: A Música Cigana a Gostar Dela Própria

7 de maio - 17h30
Festival Política: Sessão Corpos Políticos 3

7 de maio – 19h00
Festival Política: A grande mentira

7 de maio – 21h30
Festival Política: Salazácula

7 de maio - 23h15


Para além destas atividades, também podes inscrever-te noutros momentos de participação para participa.politica@gmail.com:

Workshop “Desinformação, regulação e literacia mediática” | 05 de maio – 17h30 

Um exercício de análise, reflexão e debate em torno de três eixos: Desinformação - Regulação - Literacia dos Media. Neste workshop serão usados como exemplo conteúdos visados em queixas recebidas pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) como sendo potenciais casos de desinformação, nomeadamente sobre temas da atualidade, como a pandemia de covid-19 ou a guerra Rússia-Ucrânia. Um workshop para compreender e esclarecer os desafios que o combate à desinformação pode colocar a quem tem a missão de regular a atividade da comunicação social, e uma oportunidade para celebrar o potencial da capacitação do cidadão para lidar de forma crítica e informada com este (e outros) desafio(s) que os media colocam. Esta iniciativa integra a 10ª edição dos 7 dias com os Media, a semana portuguesa dedicada à promoção da literacia mediática. Organização: ERC. 

Com tradução para Língua Gestual Portuguesa mediante solicitação prévia.

“Cara a Cara com os Deputados” | 06 de maio – 18h30 

Encontro entre cidadãos e deputados representantes dos partidos com assento na Assembleia da República. Durante cinco minutos, os participantes inscritos conversam individualmente com cada deputado sobre um tema, dúvida ou questão.

Com tradução para Língua Gestual Portuguesa mediante solicitação prévia.

Visita Guiada “Braga Desinformada” | 07 de maio – 10h00 

Um percurso pelo centro para conhecer os mitos, enganos e até algumas mentiras que atravessam a História da cidade. É mesmo verdade que uma avioneta embateu na torre sineira dos Congregados? O Jardim de Santa Bárbara é mesmo barroco? Afinal é a imagem de Nossa Senhora do Leite ou de Santa Maria de Braga que está no símbolo da cidade? Quantos galos tem a Igreja de Santa Cruz? Visita a cargo de Rui Ferreira, bracarólogo e fundador do Ponto Braguez.

Com tradução para Língua Gestual Portuguesa mediante inscrição prévia. Ponto de encontro: Arco da Porta Nova.

Ser mulher brasileira em Portugal, a partir de “Deixa Ser Eu” | 07 de maio – 16h30 

“Longe do meu país de origem deparei-me com os estereótipos da mulher brasileira. Como existir e encontrar novas formas de existência Num mundo de preconceitos? Como quebrar um estereótipo sem me perder? Em Portugal, descobri que sou um emaranhado de coisas que existem dentro de mim e pouco têm a ver com a minha aparência”. A partir da experiência da realizadora Sheila Correia, após a apresentação do filme de Sheila Correia abre-se espaço para uma conversa sobre ser mulher brasileira em Portugal. Que mitos e preconceitos ainda existem?



Durantes os dias 05, 06 e 07 de maio, para além das atividades que irão decorrer, estarão em exibição as exposições:

“Reconstituição Portuguesa” | Todos os dias

Inspirados na técnica de blackout poetry, um coletivo de poetas e ilustradores liderados por Viton Araújo e Diego Tórgo aplicou o infame lápis azul sobre as palavras da Constituição fascista de 1933 até que dela se erguessem, apenas, poemas e ilustrações exaltando os valores de Abril: humanidade, liberdade, justiça, igualdade. Apresentação de algumas páginas do livro “Reconstituição Portuguesa” em versão ampliada.


"Blossom" | Todos os dias

Corpos vestidos de segredos. Corações cheios de silêncios. Vidas encobertas de véus em nome da conversão. Frases não ditas. Sentimentos e Palavras encrustadas nas paredes da garganta. Olhares não permitidos/silêncios que geram mágoa. Gritos sufocados, cristalizados no tempo e no quadrado/vazio de escuridão. Sussurros de liberdade ousados na angústia de não poder ser. Fotografia de Manuel Correia. Direção artística: Ana Caridade; produção – CERCI Braga & Mosaico – Plataforma de projetos inclusivos artísticos e educativos; música – Banda do Mundo (O mundo somos nós); vídeo: Framework Lab; fotografia: Manuel Correia; design: HMDesigner.



Podes saber mais sobre o Festival Política aqui.

CENTRO DE JUVENTUDE DE BRAGA

Localizado no centro da cidade, a poucos minutos a pé do centro histórico de Braga, o Centro de Juventude é um espaço polivalente que oferece um alojamento versátil e confortável, adequado a qualquer faixa etária.

SUBSCREBE A NOSSA NEWSLETTER

Contactos

R. de Santa Margarida nº6
4710-306 Braga

(+351) 253 148 682
(+351) 966 754 534

Ver Mapa

Obter Direções